barra

Principais Setores

Em Portugal, a produção animal representa cerca de 37% da produção agrícola. De um modo agregado, a produção animal representa uma dinâmica de crescimento, contudo está muito dependente de consumos intermédios de bens (cereais, outros alimentos para animais e energia) que são maioritariamente importados.

Os principais setores da produção animal são, em volume de negócios, a produção de leite, aves e os suínos, seguidos dos bovinos de carne, os ovinos e os caprinos.

Por outro lado, Portugal é um importante reservatório de Recursos Genéticos Autóctones, estando oficialmente reconhecidas 47 Raças Autóctones, sendo 15 raças da espécie Bovina, 15 raças de Ovinos, 6 raças de Caprinos, 3 raças de Suínos, 4 raças de Equídeos e 4 raças de Galináceos.

Dados sobre os principais setores de produção animal são publicados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) no âmbito das Estatísticas Agrícolas. Também o Boletim Mensal da Agricultura e Pescas do INE, divulga um conjunto de informação conjuntural relativa ao sector primário. A estrutura desta publicação proporciona, através de dados, gráficos e tabelas disponibilizados, uma oportunidade de acompanhar estas temáticas e analisar a evolução através das séries cronológicas apresentadas.

A legislação europeia apoia a produção e a comercialização dos produtos de produção animal, tendo simultaneamente em conta a especificidade de cada produto.

A Organização Comum de Mercados Agrícolas (OCM) no setor agrícola rege 21 setores que, até 2007, estavam organizados em OCM’s individuais, e oferece um quadro jurídico único que comanda o mercado interno, o comércio com os países terceiros e as regras de concorrência.

A OCM abrange cerca de 90% da produção agrícola final comunitária. Os principais setores da OCM são: carne de bovino, leite e produtos lácteos, carne de suíno, carne de ovino e caprino, carne de aves de capoeira.

Apoios Financeiros: 

No âmbito do Programa de Desenvolvimento Rural – Continente – PRODER existem apoios destinados ao desenvolvimento das explorações agrícolas, nomeadamente a conservação e melhoramento dos recursos genéticos.

Mais informação sobre os animais de interesse pecuário pode ser encontrada na página da Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV).

Montagem Produo Animal desenhos 2