barra

Pequenos Frutos

A cultura dos pequenos frutos (morango, framboesa, mirtilo, amora e groselha) tem hoje uma expressão importante em Portugal. A disponibilidade dos pequenos frutos durante o ano inteiro e a sua inclusão nos hábitos alimentares dos consumidores é já uma realidade, o que tem conduzido ao seu maior consumo.

O país possui excelentes condições de solo e clima para a produção das diferentes espécies de pequenos frutos, diferindo as tecnologias de produção consoante a região de produção.

Na cultura de pequenos frutos, o desenvolvimento de novas tecnologias de produção e a adaptabilidade de outras tem evoluído.Morangos

Sendo os pequenos frutos bastante perecíveis, a qualidade pós-colheita assume um papel preponderante na fileira.

Com base na investigação e experimentação tem-se adotado o uso de plásticos biodegradáveis nas culturas do morango e da framboesa, o que conduz à melhoria da produtividade das culturas e redução do custo ambiental.

A avaliação e o conhecimento das pragas e dos seus inimigos naturais, bem como da interação entre as culturas e as adventícias associadas são essenciais para a aplicabilidade de programas de proteção integrada (PI). A formação de técnicos e agricultores em PI é essencial para a aplicação de tecnologias de produção adequadas a cada espécie e às diferentes regiões do país. Adquirem formação na área das doenças, pragas e seus inimigos naturais, de modo a estarem habilitados a reconhecer a biodiversidade de organismos com que se confrontam nos ecossistemas agrários.

Para mais informações consultar, a título de exemplo:

Manuais Técnicos - INIAV